Valentina Lisitsa | Festival de Sintra
Valentina Lisitsa, Festival de Sintra, Sintra, Piotr Ilitch Tchaikovsky
17318
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-17318,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-9.1.3,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Com mais de 95 milhões de visualizações das suas interpretações no Youtube e 195 mil subscritores do seu canal, Valentina Lisitsa é uma das artistas clássicas mais seguidas na internet, tornando-se um fenómeno de popularidade global.

Com um programa totalmente dedicado a Tchaikowsky, sobressai As Estações, pela base poética da sua matriz: um pequeno poema para cada mês do ano inspirou o compositor.

Para junho, a Barcarola: Vídeo

Vamos para a margem
Lá onde as ondas beijarão os nossos pés
Com uma tristeza misteriosa
As estrelas nos iluminarão

Aleksey Pleshcheyev

Com mais de 95 milhões de visualizações das suas interpretações no Youtube e 195 mil subscritores do seu canal, Valentina Lisitsa é uma das artistas clássicas mais seguidas na internet, tornando-se um fenómeno de popularidade global.

Com um programa totalmente dedicado a Tchaikowsky, sobressai As Estações, pela base poética da sua matriz: um pequeno poema para cada mês do ano inspirou o compositor.
Para junho, a Barcarola: Vídeo

Vamos para a margem
Lá onde as ondas beijarão os nossos pés
Com uma tristeza misteriosa
As estrelas nos iluminarão
(Aleksey Pleshcheyev)

Valentina Lisitsa | PIANO

Piotr Ilitch Tchaikovsky

  • As Estações op. 37a
  • Grande Sonata op. 37a
  • Suite do Quebra Nozes op. 71a (Versão de Tchaikovsky para piano solo)

Valentina Lisitsa

Com mais de 95 milhões de visualizações das suas interpretações no Youtube e 195 mil subscritores do seu canal, Valentina Lisitsa é uma das artistas clássicas mais seguidas na internet, tornando-se um fenómeno de popularidade global.

O Royal Albert Hall, numa iniciativa sem precedentes, abriu-lhe as portas do sucesso em 2012, num concerto gravado e filmado pela Decca classics que se tornou o primeiro concerto a ser transmitido ao vivo em HD stream.

Lisitsa domina um vasto repertório de Bach e Mozart, a Schostakovich e Bernstein; o seu repertório com orquestra inclui mais de 40 concertos, assumindo especial afinidade com Rachmaninov e Beethoven.

Nasceu em Kiev, Ucrânia em 1973. Começou a tocar piano aos três anos, estudou na Lysenko Music School para crianças sobredotadas e mais tarde estudou com Ludmilla Tsvierko no Conservatório de Kiev.

Em 1991 ganhou o Murray Dranoff Two Piano Competition com Alexei Kuznetsoff, com quem casou. Em 1995 Lisitsa estreou-se em New York no Mostly Mozart Festival no Lincoln Center. Desde então tem-se apresentado intensamente por todo o mundo como no Wigmore Hall de Londres ou no Musikverein de Viena.

Dona de uma musicalidade deslumbrante e sem receios de correr riscos, Lisitsa transformou o seu sucesso na internet numa carreira considerável, estreando-se com a Filarmónica de Berlim em 2013 e tocando pela europa, Estados Unidos da Amáerica, Canada, Japão, Austrália, Seul, México, Hong Kong, Taiwan, e nos BBC Proms.

Lisista gravou para a Naxos, Audiofon e para a sua própria editora Valal Produtions, mas em 2012 Valentina Lisitsa assinou exclusividade com a Decca Classics, com quem gravou de imediato um duplo CD com os concertos de Rachmaninov com a Sinfónica de Londres sob a direção de Michael Francis e um CD dedicado a Liszt.

Em 2014 editou Études, um álbum com os Estudos Sinfónicos de Schumann e Chopin; em 2015 grava Philip Glass; segue-se Scriabin no álbum Nuance e a sua última gravação é totalmente dedicada a Tchaikowsky.